Missão Empresarial da Apex-Brasil vai ao Peru e Colômbia

Dando continuidade à agenda iniciada com a visita do ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro à Colômbia e ao Peru, a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) levará 50 empresas brasileiras para uma Missão Empresarial aos dois países entre os dias 31 de agosto e 04 de setembro.

Colômbia e Peru estão entre os mercados estratégicos do Plano Nacional de Exportações, lançado pelo governo federal em junho deste ano. A expectativa de negócios para esta missão é de US$ 39 milhões.

Foto: Divulgação.
Apex Brasil

Rodada de negócios entre brasileiros e colombianos.

Esta é a sexta vez que a Apex-Brasil organiza a ida de empresários brasileiros aos dois países para promover a ampliação do fluxo comercial e explorar as possibilidades de cooperação entre os setores produtivos destes mercados.

Do conjunto de 75 projetos setoriais da agência, 38 têm a Colômbia como mercado prioritário e 26, o Peru. “São países vizinhos, parceiros e com os quais queremos estreitar nossos laços comerciais.” afirma o presidente da Apex-Brasil, David Barioni Neto.

Das 50 empresas participantes, 30 fazem parte do Projeto Extensão Industrial Exportadora (Peiex), o que possibilitará que empresas não exportadoras ou iniciantes tenham a oportunidade de iniciar exportações para mercados mais acessíveis e parceiros.

Além das rodadas de negócios com compradores internacionais, a delegação brasileira também participará de seminários técnicos de capacitação para operar nos dois mercados, que abordará temas como aspectos legais para fazer negócios, oportunidades comerciais e relações comerciais bilaterais.

As empresas são dos segmentos Alimentos e Bebidas, Casa e Construção, Máquinas e Equipamentos e Higiene e Cosméticos. A missão oferece serviço de matchmaking, o que garante antecipadamente a todas as empresas uma forte agenda de reuniões com potenciais compradores e amplia a possibilidade de fechar negócios. Colômbia e Peru foram selecionados em função das análises obtidas por meio dos estudos de inteligência da Apex-Brasil.

 Relações Comerciais

De acordo com dados do MDIC, em 2014 as exportações do Brasil para o Peru somaram US$ 1,8 bilhão e as importações, US$ 1,7 bilhão. Os principais produtos são os manufaturados, ou industrializados, que respondem por 92% das vendas totais.

No caso da Colômbia, entre 2005 e 2014 a corrente de comércio bilateral elevou-se em 165%, atingindo, em 2014, US$ 4,1 bilhões, 73% deste valor foi composto por bens manufaturados. As exportações brasileiras somaram US$ 2,38 bilhões e as importações, US$ 1,7 bilhão. Os principais produtos vendidos aos colombianos também são os industrializados, respondendo por 92,6% da pauta.

O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro Neto, destaca que o Brasil tem feito grande esforço para estreitar relações com países da Aliança do Pacífico.

“Os países sul-americanos da Bacia do Pacífico oferecem grandes oportunidades às exportações brasileiras, e o governo já trabalha fortemente para ampliar a corrente de comércio com esses países. As negociações avançam muito bem com o México, com a ampliação do acordo de complementação econômica, e também com o Peru e a Colômbia.” reforça Monteiro.

 

Indicar para um amigo: